Você sabe como a inteligência artificial beneficia a logística?

6 minutos para ler

Quando pensamos em inteligência artificial, geralmente vemos cenas de robôs e carros se dirigindo sozinhos pela rua, algo completamente fora da realidade, certo? Errado! Na verdade, estamos cada vez mais próximos desse futuro que os filmes mostram.

Hoje, diversas operações já estão otimizando seus processos por meio da inteligência artificial, como a utilização de robôs em linhas de produção para empacotar os produtos ou para abastecer componentes.

Quer saber um pouco mais sobre como a IA pode ser aplicada na logística? Continue lendo e descubra!

Como a inteligência artificial pode ser aplicada na logística?

A área da logística é o ponto de encontro entre o produto e o cliente. Todas as suas divisões, desde o recebimento da matéria-prima até a expedição do produto acabado, precisam da máxima precisão.

Qualquer falha que ocorra nos processos pode causar atrasos e divergências de informação, que têm como consequência atrasos que interferirão no resultado da empresa, afetando o cliente e o deixando insatisfeito.

Pensando nisso, a logística 4.0 traz soluções que buscam reduzir essas falhas, assim como o trabalho manual, automatizando algumas tarefas-chave. Listamos abaixo como a IA pode ser aplicada no setor. Confira.

Aperfeiçoamento das tarefas

Divergência de estoque. Já ouviu falar desse problema? Se você trabalha na área logística sabe que a gestão do estoque é um excelente exemplo de tarefa que necessita do máximo de precisão e que geralmente é feita de forma manual.

A inteligência artificial vem com o objetivo de aperfeiçoar atividades como essa, que tem um alto nível de complexidade. Tornar automático um ajuste de estoque, os pedidos de compra e, até mesmo, detalhes como uma cotação de frete aumentam a produtividade no dia a dia das empresas.

Uso do big data na logística

O big data é o principal integrador de informações. Para a logística, a aplicação se refere a conectar automaticamente as informações de venda para que o processo de separação de materiais e expedição dos pedidos seja mais rápido.

Além disso, com o registro de todo o processo, estatísticas podem ser criadas, permitindo verificar, por exemplo, qual produto mais saiu do estoque em determinado período, o que ajuda no planejamento de compra de matéria-prima.

Gestão de frotas

A inteligência artificial pode influenciar os processos de gestão de frotas com o intuito de gerar mais informações que possam ser gerenciadas de uma forma mais organizada, desde a documentação até as informações sobre entregas.

Atualmente, é possível ter o controle de todas as informações sobre o veículo. Com isso, o gestor de transportes pode, por exemplo, saber se a conduta do motorista está de acordo com o esperado e verificar o status de entrega da carga em tempo real.

Além disso, já estão sendo realizados estudos para a aplicação de veículos autônomos no mercado. A ideia é a total otimização de recursos e a redução de riscos de acidentes, assim como entregas mais rápidas.

Relatórios para tomadas de decisão

Com o auxílio da inteligência artificial, todas as informações são levantadas, organizadas e os dados compilados para gerar relatórios a fim de ajudar e fundamentar as tomadas de decisão.

Assim, os gestores conseguem verificar quais são os principais gargalos de uma operação e trabalhar para resolvê-los antes de gerar problemas que afetem os clientes, além de entender os impactos das falhas nos resultados da empresa.

Quais são os benefícios para o setor de logística?

Toda a inovação tem custos, principalmente quando falamos de mudanças tecnológicas, que é o que a inteligência artificial propõe. Sendo assim, é preciso estudar e pesquisar para ver se as melhorias trarão retorno para o negócio.

A IA trabalha em prol da otimização de recursos e automatização dos processos. Listamos alguns benefícios dessa ferramenta.

Diminui falhas

Quanto menor é a ocorrência do trabalho manual, menor o número de falhas que aparecerão no seu processo. Ao trabalhar com a inteligência artificial, muitos processos são automatizados, permitindo que os parâmetros sejam ajustados de modo deixar a atividade à prova de erros.

Reduz as perdas

Imagine a seguinte situação: um cliente de e-commerce faz uma compra que deve ser entregue em sete dias. Quando chega a data de entrega, ele reclama que não recebeu a mercadoria que estava esperando e, ao averiguar a situação, você identifica que essa carga foi extraviada.

Com um sistema robusto de gestão de frotas, você localiza a carga facilmente, descobre em qual processo ela foi extraviada e ainda consegue identificar o motivo da falha, tendo a possibilidade de corrigir o erro para que não aconteça novamente.

No caso exposto, a empresa responsável pela venda precisaria ressarcir o cliente ou pagar por um novo produto. Além do ônus monetário, a empresa fica com a imagem manchada diante do mercado. Com processos mais precisos, erros como esse são reduzidos.

Aumenta a produtividade

Para atuar no mercado com um alto nível de qualidade e uma boa vantagem competitiva, os processos precisam ser robustos e, ao mesmo, tempo enxutos. Isso significa que sua operação precisa custar pouco e oferecer bons resultados.

Com a inteligência artificial, os processos são otimizados, deixando a operação mais ágil para melhorar os tempos de entrega e aumentar a satisfação do cliente. No mais, ela faz com que as tarefas sejam executadas com parâmetros à prova de erros, o que diminui o número de retrabalhos, também ajudando na produtividade.

Reduz custos

Ser enxuto significa ter uma operação que trabalha no máximo de sua produtividade. Nesse caso, uma movimentação extra que faz com que um operador perca mais tempo, por exemplo, é um fator de diminuição de produtividade.

A otimização dos processos, citada anteriormente, também auxilia na redução de custos. A mão de obra será mais aproveitada, fazendo com que os colaboradores gastem maior tempo em atividades de valor agregado.

As inovações tecnológicas que a logística 4.0 traz por meio da inteligência artificial estão cada vez mais presentes nas empresas. Cada inovação implementada significa maior vantagem competitiva no mercado e o aumento da capacidade de oferecer ao cliente um serviço de alta qualidade e por um preço justo. Otimizar os processos, reduzir os custos e criar sistemas à prova de erros são a chave para deixar o cliente satisfeito e para melhorar os resultados da sua empresa. Aposte nisso.

Aproveitando que estamos falando de tecnologia, que tal conhecer as tendências de logística para o ano de 2019?

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-
Assine nossa Newsletter

Assine nossa Newsletter

Receba conteúdos exclusivos e gratuitos sobre Logística e Sistemas de Armazenagem

Obrigado por se inscrever!